Atualmente, um dos temas de gestão mais abordados é o RH estratégico. E não seria para menos. Empresas que investem no assunto apresentam desempenho (em média) 51% superior à concorrência no mercado. Assim, isso é considerado um grande diferencial competitivo.

Para ficar mais claro, é importante entender que o RH estratégico é aquele com foco em resultados reais para a empresa por meio dos funcionários que nela trabalham. Por isso, desenvolve planos para aquisição de talentos, motivação e acompanhamento dos resultados.

Existem alguns pontos que são comumente compartilhados por empresas que investem nesse novo modelo de RH. Pensando nisso, criamos um guia para você! Continue lendo nosso conteúdo e fique por dentro dos principais pontos. Acompanhe!

Atua com base em métricas e indicadores

A gestão de pessoas preocupa-se com uma série de decisões importantes, como promover pessoas, investir em treinamentos e priorizar projetos. Tudo deve ser feito com agilidade e efetividade. Para tanto, precisa de bons indicadores-chave de desempenho (KPIs).

Dentre os indicadores utilizados, é possível destacar:

Não há um limite de KPIs para acompanhar, mas é importante definir e atualizar constantemente aqueles que realmente importam para a empresa. Também é preciso iniciar um processo de melhoria contínua, buscando por resultados ainda mais favoráveis no futuro.

Dissemina uma cultura eficaz e sólida

A cultura de uma empresa é tão importante quanto sua estratégia de atuação, capaz de determinar o sucesso ou fracasso das ações diárias. De forma resumida, representa o conjunto das crenças, hábitos e valores compartilhados internamente.

O atual RH contribui de modo ativo para desenvolver e disseminar a cultura da empresa, garantindo que cada profissional a abrace no dia a dia. Isso contribui para criar uma identidade para a organização, diferenciá-la no mercado e alinhar suas equipes de trabalho.

Define metas inteligentes e desafiadoras

O RH envolve-se cada vez mais na definição de metas para as equipes de trabalho e companhia em geral, garantindo que haja um equilíbrio entre o aspecto “humano” e o alto desempenho de cada um dos colaboradores. Para definir boas metas, utiliza-se o padrão SMART.

Para ficar claro, SMART é um acrônimo de cinco palavras do inglês. Representa a criação de metas específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com prazo bem-definido. Cada uma das metas é definida com a ajuda dos líderes de equipe e, depois, compartilhada.

Dá ênfase na aquisição de pessoas talentosas

Profissionais talentosos são aqueles que entregam mais resultados que a média, diferenciando-se onde quer que estejam. Eles contribuem para a estruturação de equipes de alta performance e construção de empreendimentos sólidos. Por isso, captar talentos é uma das prioridades para o RH das empresas mais modernas.

Para tal fim, uma importante ferramenta é a plataforma de gestão do comportamento. Com ela, é possível identificar o perfil comportamental dos candidatos, avaliando se eles apresentam ou não aderência ao cargo, bem como se podem ser considerados os talentos adequados a determinadas funções.

Tem uma boa marca empregadora

Sabemos que profissionais talentosos costumam ter maior poder de escolha e que, por isso, corre-se sempre o risco de perdê-los para outra empresa. Para não perder talentos, essas empresas devem se perguntar que condições de trabalho esses profissionais procuram. Ou melhor, mais do que se perguntar, é importante perguntá-los.

Uma boa marca empregadora depende da capacidade das organizações dialogarem com seus funcionários, de modo que compreendam o que elas buscam na empresa. Sabe-se que não é só um bom salário que “segura” um funcionário. A motivação das pessoas é mais complexa.

Estão envolvidos nesse processo a possibilidade de crescimento, a qualidade de vida no trabalho, o respeito à individualidade e, assim, às diferenças, dentre outros fatores que formam a percepção do funcionário sobre o seu trabalho e a empresa. Para construir uma boa marca empregadora, é preciso incluir nas políticas internas a experiência do colaborador.

Traz modernidade no recrutamento e seleção

A demora nos processos de recrutamento e seleção é um dos pontos que precisam ser modificados. O tempo da abertura de uma vaga até o seu fechamento é sim um indicador muito importante de produtividade para o RH.

Além disso, a escolha acertada, ou seja, o candidato certo, é um objetivo que precisa ser cada vez mais preciso. Não basta querer um bom candidato, é preciso entender o que de fato faz esse profissional ser adequado para a empresa. Diante desses dois fatores, que podemos nos referir aqui como tempo e precisão, as soluções modernas para recrutamento e seleção são essenciais no RH estratégico.

Trabalhar com uma metodologia moderna capaz de mapear perfis e analisá-los em curto prazo é, sem dúvida, dar mais eficiência ao processo de contratação, fazendo-o da melhor forma e em menor tempo.

Apresenta uma gestão de pessoas transparente

Outra mudança significativa na gestão de empresas é a percepção de que a transparência é a grande aliada da responsabilidade. Quanto mais os funcionários souberem dos objetivos da empresa e do papel que eles têm no alcance dessas metas, maior o engajamento com o seu trabalho.

Já se foi o tempo em que a gestão era cheia de mistérios e que os assuntos estratégicos não eram da conta de liderados. Empresas mais modernas, principalmente as de tecnologia, trouxeram uma nova cultura para o cenário dos negócios.

Nela, a comunicação é uma ferramenta estratégica e pode ser utilizada para diferentes fins. Seja para dar mais autonomia ao colaborador ou para informar equipes sobre seu desempenho, os canais de comunicação são o que conectam as pessoas aos negócios.

Usa ferramentas digitais de RH

Para fechar com chave de ouro, precisamos falar aqui do papel da tecnologia para viabilizar toda essa mudança de posicionamento do RH. Sair de uma condição burocratizada e com baixa eficiência para uma participação direta nos resultados requer ferramentas eficazes.

Nesse sentido, as ferramentas digitais de RH, como os softwares conectados com as mais novas tecnologias empresariais, formam uma estrutura adequada para o cenário.

A tecnologia casa bem com todos os fatores que falamos até aqui: precisão, eficiência, transparência, comunicação, tudo isso depende de processos bem desenhados e contínuos. São pontos importantes e presentes no RH estratégico. Aproveite para implementá-los em sua empresa, garantindo resultados ainda melhores para todos.

Para não perder os próximos conteúdos, assine nossa newsletter. É rápido e garante que você receba informações atualizadas sobre como melhorar cada vez mais a gestão de seu negócio com ferramentas diferenciadas. Ou, se preferir, utilize ainda o nosso inventário gratuito de avaliação estratégica de RH. Vamos lá!

Compartilhe com seus amigos:


Deixe seu comentário:

Como encontrar o melhor candidato para sua vaga | Ebook Grátis