O Autoconhecimento é o pontapé inicial e principal para o indivíduo que busca crescimento, tanto no aspecto profissional quanto no pessoal. Quando você não sabe o suficiente sobre si mesmo, poderá se encontrar no modo automático ou, o que é pior, perdido. Isso significa que, uma vez que você não sabe quem você é, qual a sua característica comportamental mais marcante, consequentemente você também não saberá para onde ir e de que forma trilhar essa caminhada.

Ao inclinar as suas escolhas e decisões para um “eu” desejado, idealizado ou trabalhado em cima de expectativas externas, as chances de sucesso nessas decisões se minimizam, pois ao final, você pode até trazer resultados considerados positivos do ponto de vista também externo, mas existirá um vazio indicativo de que as necessidades da sua essência não estão sendo atendidas. Esse alerta pode se tornar um monstro se não for atendido ao longo do tempo. Por isso, podemos concluir que não valorizar o Autoconhecimento como tarefa primordial para a sua vida, além de ser fator prejudicial para o seu bem estar, dificultará e tornará mais distante e difícil o verdadeiro caminho do sucesso.

Cada pessoa possui um Talento especial. A grande questão é como descobri-lo, valorizá-lo e potencializá-lo, e isso é conquistado a partir do Autoconhecimento. Algumas pessoas, assim como nós, conseguiram maximizar os seus talentos naturais. Isso, de certa maneira, tornou-as especiais e bem-sucedidas em suas áreas.  O que faz com que elas pareçam melhores é o fato de exercitarem o que têm de especial. Essas pessoas, ao se autoconhecerem, desenvolveram um plano de melhorias e focaram as suas energias no que têm de melhor, em busca do autodesenvolvimento. Mas isso será assunto para o nosso próximo artigo. Fique atento!

Por Jorge Matos, presidente da ETALENT

Compartilhe com seus amigos:


Deixe seu comentário:

Como encontrar o melhor candidato para sua vaga | Ebook Grátis