O processo de recrutamento e seleção é uma das tarefas mais importantes para a gestão de pessoas e equipes. Sem isso, torna-se impossível que talentos façam parte da empresa, bem como estruturem times de alto desempenho.

Por essa razão, o ideal é saber como estruturar um recrutamento bem-sucedido, da formulação da marca empregadora até a análise do comportamento dos candidatos, com a metodologia DISC. Logo, ótimos resultados serão alcançados.

Pensando em tudo isso, elaboramos um artigo para você. Hoje, será possível entender como fazer um processo de recrutamento bem estruturado e eficaz ao sucesso empresarial. Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

Realize a análise comportamental do candidato

Se o comportamento é mais difícil de mudar do que aprender novos conhecimentos, não seria mais adequado iniciar os processos de recrutamento identificando aquelas pessoas com maior nível de adequação comportamental?

Lembre-se que é preciso contratar alguém com valores e práticas que harmonizem com a empresa, somente assim é possível garantir sua aderência.

Para tanto, use um sistema de gestão e análise de perfil comportamental. Logo, será possível identificar, com base na metodologia DISC, se o candidato se encaixa (ou não) na empresa, no cargo que vai exercer e na respectiva equipe de trabalho.

Invista na marca empregadora da firma

O trabalho deve começar muito antes que, de fato, haja a demanda por um novo colaborador. É preciso pensar na marca da empresa como empregadora, objetivando otimizá-la para atrair e reter um maior número de talentos.

Também chamada de Employer Branding, a técnica é uma das principais vertentes do endomarketing. É possível começar criando uma página de carreiras, na qual poderá contar a história da empresa, dos funcionários e o propósito de atuação.

Faça uma boa descrição do cargo em aberto

Todo cargo precisa de uma boa descrição, avaliando as competências e os comportamentos que seu novo ocupante deverá apresentar. Essa etapa funciona como uma base para todo o processo seletivo, por isso, deverá ser realizada com atenção e sem pressa.

Defina com clareza os conhecimentos, as habilidades, as atitudes, os comportamentos e os valores que o cargo demanda. Para otimizar essa etapa, conte com a ajuda do superior imediato, pois é provável que ninguém conheça a função melhor do que ele.

Inicie o processo de recrutamento de talentos

Já estabelecida a marca e feita a descrição do cargo, é o momento de iniciar o recrutamento. Esse é um processo de busca por profissionais qualificados no mercado de trabalho, o que nem sempre é fácil.

Logo, é preciso conhecer muito bem o público-alvo e conhecer a melhor técnica para alcançá-lo. Se o público é jovem, torna-se interessante usar as redes sociais. Por outro lado, se busca por executivos, é útil usar headhunters ou sites de emprego de nicho.

Envolva outros líderes e gestores no processo

Para finalizar o processo de recrutamento e seleção com sucesso, é preciso envolver outros líderes ou gestores. Convide o superior imediato do cargo para a entrevista, induza-o a formular perguntas e dar um parecer sobre cada candidato. Desse modo, terá uma visão mais sistêmica e segura para a escolha final.

Como se pode observar, com apenas alguns passos é possível ter um processo de recrutamento bem estruturado. Lembre-se de que essa etapa é muito importante e, por isso, merece toda a atenção possível.

Gostou do conteúdo? Agora, assine nossa newsletter e receba novos posts diretamente em seu e-mail. Vamos lá!

Compartilhe com seus amigos:


Deixe seu comentário:

Assine nossa newsletter | ETALENT