Guia Completo Metodologia DISC

Formar uma equipe produtiva e alinhada com os objetivos organizacionais é extremamente importante para o sucesso do negócio. E, para isso, não há segredos: é preciso fazer uma boa seleção! Isso envolverá o uso de técnicas de recrutamento para encontrar os melhores candidatos.

Atualmente, as organizações têm valorizado cada vez mais seus funcionários, com premiações, treinamentos, entre outras estratégias, com a intenção de reter os talentos e reduzir a taxa de turnover. Contudo, para que isso ocorra, é necessário desenvolver um bom processo de recrutamento e seleção.

Além de investir na gestão de comportamento, existem diversas técnicas que podem ser utilizadas para avaliar o perfil dos profissionais de acordo com os objetivos e as características da empresa.  Neste texto, listamos 8 técnicas de recrutamento e seleção que podem ser úteis nessa missão. Continue a leitura e fique pode dentro do assunto!

1. Anúncio virtual de vagas

No momento atual, as mídias sociais e toda a sua tecnologia têm colaborado cada vez mais com os profissionais de todas as áreas. E com a equipe de recursos humanos isso não é diferente.

Se antes o anúncio da vaga ficava restrito aos murais de emprego e bancos de vaga, hoje, essa divulgação é bastante ampla. Os recrutadores utilizam o meio virtual e as mídias sociais, como o LinkedIn, para ampliar o alcance da vaga e, consequentemente, aumentar as chances de encontrar os melhores candidatos.

No entanto, para alcançar esse objetivo, é preciso desenvolver uma boa descrição do cargo e realizar uma divulgação transparente. Sendo assim, inclua informações sobre as principais atividades realizadas, os requisitos básicos, a região e o horário de trabalho, os benefícios, entre outros dados. Dessa forma, você conseguirá alinhar as expectativas dos candidatos e atrair aqueles que tenham real interesse na vaga.

2. Análise de currículos

Com o recebimento dos currículos, é muito importante que o profissional encarregado do recrutamento tenha clareza sobre a vaga em aberto e o perfil que se encaixará nela.

Uma das técnicas de seleção é o desenvolvimento desse perfil, para cuja elaboração há necessidade da colaboração do gestor que será responsável pelo futuro ocupante da vaga.

Algumas características, como conhecimentos técnicos e competências comportamentais, são essenciais para fazer a triagem e eliminar os currículos que não se enquadram no perfil. Além disso, você pode utilizar software de recrutamento para realizar essa tarefa de forma automática, de acordo com filtros estabelecidos previamente.

3. Pré-entrevista por telefone ou pela internet

Essa é mais uma das técnicas de seleção que otimizam a contratação de profissionais e facilitam a vida dos recrutadores. Assim, eles não precisam marcar encontros presenciais com inúmeros candidatos.

Entrevistas por telefone ou chamada de vídeo colaboram com o processo, pois oferecem a oportunidade de reduzir o tempo e o dinheiro gasto. Alguns profissionais de RH também solicitam o envio de vídeos com o currículo para observarem a desenvoltura do postulante à vaga já nessa fase.

4. Dinâmicas de grupo

Essa é uma das técnicas de seleção indispensáveis para muitos recrutadores, pois ela permite a avaliação de alta demanda e a análise de aspectos comportamentais. Quando desenvolvida da forma adequada, a atividade contribui para que a contratação seja bem-sucedida, encontrando um profissional capacitado e apropriado para a função.

Ebook Gratuito Dinâmicas de Grupo

Com as dinâmicas de grupo, é possível identificar como a pessoa se comporta diante de desafios e com trabalho em equipe, habilidades de liderança, comunicação, organização, criatividade, foco, flexibilidade, entre outras características.

5. Análise comportamental

Conhecer o perfil comportamental desejado para a vaga e conseguir identificar se o candidato apresenta essas características é um passo importante para acertar na contratação. Dessa forma, você aumenta as chances do alinhamento do profissional com a equipe, com as necessidades do gestor e com os valores organizacionais.

Esse processo pode ser feito por entrevistas e testes, e a tecnologia é uma ótima aliada nessa missão. Com o uso de software de análise comportamental, é possível definir o perfil da vaga e cruzar os dados dos candidatos para identificar qual é o mais adequado à função.

Além disso, a plataforma pode facilitar as etapas de entrevistas e dinâmicas de grupo, já que você terá dados mais profundos para elaborar a atividade.

6. Testes de habilidades

Mais uma técnica de seleção para aplicar no processo são os testes de habilidades. Eles são positivos para identificar se o candidato apresenta os conhecimentos necessários para o cargo.

Os testes variam de acordo com os objetivos da empresa, mas podem incluir avaliação de escrita, informática, raciocínio e lógica, conhecimento em inglês, entre outros. Há empresas que ainda aplicam testes práticos com atividades parecidas com as da rotina do cargo para avaliar o desempenho dos candidatos nessas tarefas.

7. Bigdata e People Analytics

Quem quer modernizar o recrutamento pode investir em técnicas de seleção mais inovadoras, como o Bigdata e o People Analytics, que permitem analisar e cruzar os dados dos candidatos com o perfil da vaga.

Com a estratégia de Bigdata, por exemplo, é possível otimizar o recrutamento interno, pois a metodologia consegue levantar as informações que a empresa já tem sobre os seus funcionários para avaliar se há perfis alinhados com o cargo em aberto. Ela também pode ser utilizada em processos externos, fazendo o levantamento de dados de redes sociais e bancos de currículos.

Já o People Analytics complementa o Bigdata, realizando a análise de dados voltada para a gestão de pessoas, ou seja, ele pode ser aplicado para avaliar fatores comportamentais e outras características dos profissionais, o que facilita a tomada de decisão durante o recrutamento.

8. Entrevista presencial

As primeiras fases do processo de recrutamento são destinadas a localizar os candidatos qualificados para a vaga em aberto, a fim de serem encaminhados para a entrevista, momento em que os melhores profissionais serão ouvidos.

Sendo assim, a entrevista presencial é uma das técnicas de seleção indispensáveis, pois permite o contato frente a frente com o candidato, além de oferecer informações sobre a vida pessoal dele.

Para uma entrevista presencial eficaz, muitos profissionais de recursos humanos solicitam a colaboração dos gestores para participarem também dessa etapa.

Como vimos, há diversas técnicas de seleção que podem auxiliar no recrutamento e torná-lo mais efetivo. Elas são positivas para economizar tempo, aprimorar as avaliações, encantar os candidatos e evitar contratações equivocadas. Por isso, analise quais são as mais adequadas aos objetivos da empresa e não deixe de aplicá-las na próxima oportunidade!

Gostou das dicas? Quer receber outros conteúdos? Então, assine a nossa newsletter para ficar por dentro das atualizações do nosso blog.

Compartilhe com seus amigos:


Deixe seu comentário: