Guia Completo Metodologia DISC

Em um mundo cada vez mais competitivo e cheio de pressões por melhores resultados, diversas síndromes e problemas de ordem psicológica invadem as empresas e a vida dos colaboradores. Entre eles, está a Síndrome do Pensamento Acelerado (SPA).

Mas você sabe do que se trata? Entende quais são os sintomas e impactos na vida pessoal e profissional de quem sofre desse problema, as causas e como se prevenir? Chegou a hora de descobrir!

Leia este post e entenda tudo sobre a Síndrome do Pensamento Acelerado, desde os sintomas até formas de diagnosticar e tratar o quadro.

O que é a Síndrome do Pensamento Acelerado, afinal?

A quantidade de estímulos à qual você está exposto na atualidade é muito superior à de alguns anos atrás. Com um toque no celular, é possível acessar matérias de jornais de diversos países, entrar em contato com praticamente todos os seus amigos ou familiares e, ainda, responder a e-mails de trabalho.

Porém, o cérebro humano não está adaptado a essa quantidade de estímulos de uma só vez, o que faz com que o seu ritmo de funcionamento seja alterado. É aí que surge a Síndrome do Pensamento Acelerado.

A principal característica dessa síndrome é o intenso fluxo de pensamento, em alta velocidade, ao qual a pessoa está submetida diariamente. Isso faz surgir uma série de sintomas (tanto físicos quanto psicológicos) que podem servir como indícios de que o indivíduo sofre com a SPA.

Os principais sinais de ordem psicológica são:

  • ansiedade, dificuldade de concentração;
  • lapsos de memória;
  • inquietação;
  • impulsividade;
  • mudança repentina de humor.

Já fisicamente, a pessoa com SPA se sente cansada na maior parte do tempo e pode sofrer com dores musculares ou de cabeça, desenvolvendo até mesmo gastrite. Vale lembrar que pacientes com um trabalho intelectual intenso e grandes pressões no ambiente organizacional estão mais propensos a esse tipo de problema.

Isso porque eles precisam forçar para que o cérebro dê conta de mais coisas do que realmente é capaz de realizar. Como resultado, o órgão dispara uma série de neurotransmissores que ativa o funcionamento cerebral, aumentando o fluxo de pensamentos e despertando a SPA.

De que formas ocorrem o diagnóstico e o tratamento da SPA?

A Síndrome do Pensamento Acelerado deve ser diagnosticada por um profissional competente, como psicólogo ou psiquiatra. A partir de um relato sobre a história de vida da pessoa e os sintomas, é possível ter o diagnóstico do problema e uma indicação adequada de tratamento.

Não existe um padrão de tratamento para a SPA. Portanto, o profissional da área de saúde deve identificar a origem do problema e, dessa forma, adaptar o tratamento à realidade do paciente.

Geralmente, é recomendada uma mudança de hábitos, com a inclusão de pausas ao longo do dia, atividades de lazer e exercícios físicos. Além disso, deve-se reduzir a jornada e as pressões no ambiente de trabalho.

Em quadros mais graves, medicamentos ansiolíticos e antidepressivos podem ser prescritos. Nesses casos, os remédios servem para reduzir a ansiedade e o fluxo de pensamentos de forma mais imediata, o que significa que precisam ser associados a mudanças comportamentais para um efeito positivo em longo prazo.

Como a Síndrome do Pensamento Acelerado pode atingir sua vida pessoal e profissional?

A Síndrome do Pensamento Acelerado afeta diretamente a carreira e a vida pessoal de quem sofre do problema. Em relação à saúde e às relações interpessoais, a SPA pode provocar diversos efeitos físicos nas pessoas, levando a um cansaço excessivo e à dificuldade nos relacionamentos com familiares ou amigos.

O indivíduo que sofre com a SPA fica mais irritado e impulsivo. Além disso, ele impõe suas ideias e tem dificuldades de se colocar no lugar do outro na hora de estabelecer uma relação.

Isso também afeta diretamente a carreira. As relações profissionais ficam enfraquecidas, o que prejudica o clima da empresa como um todo e os resultados do colaborador com SPA.

Além disso, por dificultar a concentração e prejudicar a memória do funcionário, a síndrome influencia negativamente nas atividades diárias e serem realizadas. A criatividade e o potencial de inovação são prejudicados.

Isso porque, apesar de aumentar o fluxo de pensamentos, a SPA faz com que o indivíduo se detenha por muito tempo em um pensamento específico, desenvolvendo uma ideia até que ela seja viável. Geralmente, há uma grande quantidade de pensamentos sem um aumento da qualidade do que é gerado, o que leva o colaborador a se tornar menos criativo e inovador.

O resultado é prejudicial à sua carreira como um todo, uma vez que o profissional com Síndrome do Pensamento Acelerado não é capaz de gerar resultados conforme a empresa espera.

Ele também tem dificuldades em investir no próprio desenvolvimento e inclusive gerenciar o tempo disponível. Com isso, seus objetivos de carreira acabam se distanciando, prejudicando a jornada rumo ao sucesso profissional.

Por que uma plataforma de gestão do comportamento pode ajudar a prevenir a SPA na empresa?

Uma plataforma de gestão do comportamento pode auxiliar na prevenção da Síndrome do Pensamento Acelerado dentro da empresa. Isso porque, por meio da ferramenta, você é capaz de identificar com antecedência indícios de que determinados membros do time estão sofrendo com o problema.

Sem contar que é possível coletar feedbacks com a equipe de maneira mais fácil por meio desse tipo de plataforma. Você pode entender as causas e os elementos do ambiente de trabalho, além do fluxo de atividades da empresa que contribui para desencadear a SPA. Com isso, torna-se viável criar estratégias para combater e prevenir o problema dentro da companhia.

A Síndrome do Pensamento Acelerado é uma das questões que surgem com o mundo digital e a era da informação. Identificá-la e combatê-la na empresa é essencial para proteger a saúde de seus colaboradores – tanto física quanto mental.

Além de investir no bem-estar da equipe, você ainda é capaz de melhorar o clima e o ambiente organizacional, potencializando os resultados do negócio como um todo.

Gostou de saber mais sobre a Síndrome do Pensamento Acelerado? Assine nossa newsletter e receba outros materiais de qualidade em sua caixa de entrada.

Compartilhe com seus amigos:


Deixe seu comentário: